NOOSFERA
  

PARA OS 'AMIGUINHOS' TUCANOS!!!

Via: Novae

Daslu: cadê a filha do Alckmin?

Por: Altamiro Borges

Apesar da chiadeira dos ricaços e dos políticos das elites, o processo judicial contra os donos da butique de luxo Daslu ganhou maior agilidade nos últimos dias. No final de dezembro, a juíza Maria Isabel do Prado, da 2a Vara de Justiça Federal de Guarulhos (SP), finalmente recebeu os livros contábeis e fiscais da loja. Para ter acesso a estes documentos, a juíza chegou a ameaçar de prisão a dona da butique, Eliana Tranchesi, o seu irmão Antonio Carlos Piva e os responsáveis pela contabilidade do estabelecimento.

Tais papéis comprovariam a denúncia do Ministério Público Federal de que a Daslu atua em conluio com importadoras para substituir notas fiscais fornecidas por grifes estrangeiras por notas falsas subfaturadas. Com base nos livros fiscais e contábeis, Eliana e seu irmão devem ser acusados de formação de quadrilha, importação irregular e falsidade ideológica. No caso da influente proprietária, a soma de penas por estes crimes chega a 21 anos de prisão. Segundo Jefferson Dias, procurador da República, a Daslu agia como uma quadrilha. “Trata-se de uma organização criminosa pela hierarquia e a divisão de tarefas que existia”.

Devido aos seus estreitos vínculos com figurões da elite e autoridades do governo estadual, a trambiqueira de luxo sequer tomou os cuidados que outros sonegadores costumam adotar. “A sensação de impunidade fez com que eles se descuidassem e a situação ficou descontrolada”, argumenta Matheus Magnani, outro procurador envolvido na apuração. Eliana Tranchesi participava diretamente do esquema ilícito, chegando a enviar aos fornecedores estrangeiros pedido em inglês para que eles não remetessem faturas verdadeiras dos produtos. A proprietária ainda pode ser acusada de crime contra a ordem tributária e evasão de divisa.

Filha do governador

Quando, em 13 de junho passado, a Polícia Federal ativou a Operação Narciso e ocupou a Daslu com 250 agentes e 80 auditores fiscais, os ricaços, a mídia venal e vários políticos da elite fizeram baita escândalo. A asquerosa revista Veja chegou a afirmar que a ação da PF era uma jogada do governo Lula para abafar a crise política. O senador Jorge Bornhausen, presidente do PFL, criticou o “revanchismo”. Já o coronel Antônio Carlos Magalhães, assíduo freqüentador da loja, chorou ao falar ao telefone com a contraventora detida por algumas horas. E a poderosa Federação da Indústria de São Paulo convocou um ato de repúdio.

O líder do PSDB, deputado Alberto Goldman, foi quem explicitou a forma de agir da burguesia. Para ele, “essa prisão pode gerar uma crise econômica. O empresário vai dizer: para que vou investir no Brasil se posso ser preso?”. Ou seja: na concepção tucana, só quem pode ser preso no país é o ladrão de galinha! O empresário que sonega impostos, remete ilegalmente dinheiro ao exterior ou comete outros crimes não pode ser tocado e ainda conta com a ajuda de certos políticos – que depois serão recompensados nas suas campanhas. O escândalo da Daslu explicitou que a corrupção é regra no mundo dos negócios capitalistas.

Além disso, o caso levantou fortes suspeitas sobre a atuação do governador Geraldo Alckmin. Quando a loja inaugurou seu mega-complexo de luxo na capital paulista, com cerca de 20 mil metros quadrados, ele foi a presença mais ilustre na festança milionária. Na ocasião, a mídia destacou o fato da sua filha, Sofia Alckmin, ser uma prestigiada “dasluzete”, responsável pelo setor de novos negócios da loja. No rastro da Operação Narciso, porém, surgiram denúncias de que esta influente funcionária já havia se reunido com o secretário da Fazenda de São Paulo, Eduardo Guardia. O governo negou e a mídia preferiu o silêncio!

Mas, convocado para depor na Assembléia Legislativa, Guardia admitiu que a filha de Alckmin estivera na sede da secretaria junto com outros chefões da Daslu em, pelo menos, duas vezes no primeiro semestre de 2005. As visitas ocorreram exatamente no período em que loja solicitou autorização da Fazenda para instalar um sistema de vendas com caixa único, algo pouco usado no país e mais vulnerável à sonegação. O secretário negou qualquer “concessão de privilégios”, mas gaguejou ao explicar a visita da “ilustre” filha do governador. Uma auditoria especial do Tribunal de Contas foi solicitada para averiguar o caso.

Para Renato Simões, deputado estadual do PT, não resta dúvida sobre os vínculos do governador com a Daslu. “Os líderes da bancada do governo primeiro negaram a presença da filha do Alckmin na Fazenda. O secretário, por sua vez, confirmou a ida. Isso significa que houve uma tentativa de usar o nome da filha do governador para agilizar a tramitação do processo do caixa único”. A tucanagem paulista, que hoje tenta posar de vestal da ética e adora ostentar o luxo desta butique das trambicagens, deve uma explicação à sociedade. A mídia venal, que evita tratar do assunto com o destaque que ele merece, também!
________________________
Altamiro Borges é jornalista, membro do Comitê Central do PCdoB, editor da revista Debate Sindical e autor do livro “Encruzilhadas do sindicalismo” (Editora Anita Garibaldi).



Escrito por NOOS às 13h05
[] [envie esta mensagem]


 
  

POLÍTICA TUCANA PARA A INFANTO ADOLESCÊNCIA!!!

Após 12 anos de governo tucano no Estado de São Paulo... Após 02 anos de governo tucano no município de São Paulo... Depois da mais fracassada política para a infância e adolescência de que se tem história... Depois dos responsáveis (prefeito e governador) dizerem que são candidatos a sucessão presidencial... Depois de ver o ocorrido, na última quarta-feira (08/02/06), no centro da cidade... Não viu, então veja e reflita:

Agora, que você já viu eu pergunto: É isso que queremos como política para a infância e para a adolescência no Brasil?

Por mim eu respondo: Tô fora! Em 2006 é Lula outra vez!!!



Escrito por NOOS às 10h11
[] [envie esta mensagem]


 
  

Ei, gente, vamos ouvir o Roberto Jefferson e o Dimas!!!

Essa é a afirmação que faz o colunista Miguel do Rosário, escritor, colunista da Novae, editor de Arte & Política e que escreve para o blog: Óleo do Diabo, e reafirmada por esse editor. Leia aqui a coluna.



Escrito por NOOS às 11h45
[] [envie esta mensagem]


 
  

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS!!!

 

Os Jornalões (expressão cunhada pela revista Caros Amigos) são mesmo engraçados, sempre usando de dois pesos e duas medidas para tratar a política nacional. Se diz livre, imparcial e que tudo que dizem está fundamentado pela realidade dos fatos, pela dinâmica política, pela apuração das CPIs, pelas investigações da Polícia Federal, pela atuação do ministério Público.

 

Se queixam (os Jornalões) que o PT e o presidente Lula vivem dizendo que ela é golpista, mas mostram que ela (a imprensa) é isso mesmo: GOLPISTA.

 

Hoje, diferente de ontem, dizem que a tal lista de Furnas é falsa, mesmo tendo um laudo - inconclusivo na verdade, mas com fortes indícios (segundo o perito Ricardo Molina, o mesmo que contradisse o Laudo do Caso Celso Daniel e que neste caso tem sua análise levanda em consideração e tratada como verdade) de que ela pode ser verdadeira.

 

Ontem, as manchetes eram escândalo no governo, o PT e Governo Lula são corruptos, mesmo ao primeiro sinal de denúncia. Hoje, a lista é falsa. Ou seja, em nenhum momento repetem o bordão criado à época das primeiras denúncias, que era – mais ou menos - assim: mas tudo que o Deputado Roberto Jefferson disse está se comprovando na prática, então devemos apurar, punir, cassar. Hoje, a palavra de ordem é cautela.

 

Mas, como esse editor já declarou: ele não esconde suas preferências políticas! Assim, reproduz aqui a entrevista do ex-Deputado Roberto Jefferson à Revista Carta Capital, onde ele diz que a LISTA DE FURNAS é crível, se assemelha com a realidade, que há lógica na lista. Só não disse – literalmente – que ela é verdadeira porque ele não tem provas (só o fato de ele próprio ter recebido), mas nas primeiras denúncias, como ele mesmo dizia, não havia provas, só indícios, foram as CPIs, a PF, o Ministério Público, a Imprensa, a realidade dos fatos, que comprovaram o que ele disse.

 

O estranho agora é que – a mesma imprensa que condenou, cassou ... – já sentenciou que a LISTA É FALSA.

 

Depois reclamam!!!

 

Clique aqui para ver a entrevista 

 



Escrito por NOOS às 10h21
[] [envie esta mensagem]


 
  

AINDA SOBRE A LISTA DE FURNAS!!!

Porque a imprensa ignora o laudo sobre a lista de Furnas?

"Mesmo sendo tão grosseiramente falsa, como disseram e repetiram o governador e de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito de São Paulo, José Serra – ambos, segundo a lista , entre os maiores beneficiários do esquema beneficiários – a denúncia pegou e soma-se às dezenas de outras que enlameiam partidos e políticos desde maio do ano passado (...) Ocorre que, até hoje, os jornais repetem a análise de que o documento é falso, mas omitem o parecer assinado pelo perito. O laudo de Molina não é conclusivo, mas, por outro lado, colide com a opinião comum de que se trata de um trabalho grosseiro de falsificação, como acusaram Alckmin e Serra..."

Leia aqui o que ele diz



Escrito por NOOS às 15h25
[] [envie esta mensagem]


 
  

DO PRÍNCIPE!!!

Será que quem está falando é o político, o ex-presidente ou o prícipe da sociologia? Em todo caso, lamentável!!!

FFHH (Ex-presidente) no Roda Viva da TV Cultura, ontem (6/2), disse: “A imprensa tem que exagerar. Se não exagerar, não acontece nada”.

Depois vai reclamar!!!



Escrito por NOOS às 15h13
[] [envie esta mensagem]


 
  

A OPUS DEI SE PREPARANDO PARA ‘TOMAR O PODER’!!!

Via: Observatório da Imprensa

 

A OBRA EM AÇÃO


Opus Dei
investe na formação de jornalistas

Por: Luiz Antonio Magalhães

Em entrevista concedida à revista Época em janeiro, o professor e consultor editorial Carlos Alberto Di Franco, diretor do curso Master em Jornalismo – Gestão de Empresas de Comunicação, revelou a sua relação com o Opus Dei, prelazia ultraconservadora da Igreja Católica. Di Franco afirmou ser numerário do Opus Dei e consultor espiritual do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

A confissão do professor jogou mais lenha na fogueira de uma polêmica que os leitores da revista Veja e deste Observatório vêm acompanhando desde o final do ano passado, travada entre o jornalista Alberto Dines e o colunista Diogo Mainardi, do semanário da Editora Abril. Dines alerta para a crescente influência nas redações brasileiras de idéias e práticas gerenciais difundidas a partir do Opus Dei; Mainardi acredita que o jornalismo nacional está impregnado de "lulistas" e "dirceuzistas" a serviço do governo federal.

A pré-candidatura de Alckmin à presidência da República certamente ajudou a trazer os holofotes da mídia para a polêmica, mas o assunto não é novo. Ao contrário, faz muito tempo que Dines levantou a questão da influência do ideário do Opus Dei na imprensa, no início por intermédio da espanhola Universidade de Navarra, com a qual o Master em Jornalismo mantém estreita relação. Os primeiros artigos sobre o assunto publicados no OI são de 1996, ano de estréia do Observatório na internet.

Quase tão antigo quanto os alertas do editor-responsável deste Observatório é o curso Master em Jornalismo, dirigido por Di Franco, cuja primeira edição se deu em 1997. De lá para cá, segundo as informações do site oficial do curso, quase 200 profissionais conseguiram o diploma do curso. A partir dos dados de 137 ex-alunos disponíveis na página do Master em Jornalismo na internet, foi possível realizar tabulações e consolidar o perfil de quem se graduou. Além disso, o OI procurou entrar em contato, via e-mail, com todos esses ex-alunos. Cerca de 30 endereços estavam incorretos ou retornaram por outros problemas (caixa postal cheia ou aviso de ausência temporária). No espaço de uma semana, 21 "masterianos" responderam a um curto questionário sobre as características do curso, cujo resultado será apresentado aqui.

Leia a matéria completa clicando aqui

 



Escrito por NOOS às 15h01
[] [envie esta mensagem]


 
  

SITE COM CAIXA 2 DO PSDB SAI DO AR!!!

Chupado do Blog: O Escriba v2.0

A página pontoflash que tinha a tal lista com os 156 parlamentares que receberam quase R$ 40 milhões de Furnas por meio de caixa 2 saiu do ar, mas a-há, tem outra! É essa aqui. Recomendo aos interessados que salvem em seus computadores as cópias facsímiles que estão na página só pra evitar o sumiço total delas, e PSDB, PFL, PMDB, PDT e afins saiam dessa história toda como anjinhos barrocos, fiéis depositários da moral e da justiça (sic, sic e mais um sic!)...

A página saiu do ar por motivos bem interessantes, sobre os quais falarei em breve - estou só aguardando um ok para entrevistar um personagem central nessa história toda.



Escrito por NOOS às 15h11
[] [envie esta mensagem]


 
  

ACABOU!!!

Não, o Blog continua firme e forte. O que acabou foi a mamata(?), trinta dias de férias. Pena: "...tristeza não tem fim, felicidade sim..."

Mas, como eu havia prometido o ano vai ser cheio. Temos eleições e esse editor não esconde sua preferência partidária e ideológica: vou de LULA e PT outra vez... como sempre!

Para ilustrar isso foi incluido o Link da página AMIGOS DO PRESIDENTE LULA. Vale a pena visitar.

O próximo texto do Blog será sobre a 'novidade' do início do ano: A lista de Furnas do TUCANODUTO.

É isso!!!



Escrito por NOOS às 15h04
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
HISTÓRICO
 04/03/2007 a 10/03/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 26/11/2006 a 02/12/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 06/08/2006 a 12/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 23/07/2006 a 29/07/2006
 16/07/2006 a 22/07/2006
 09/07/2006 a 15/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 21/05/2006 a 27/05/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 30/04/2006 a 06/05/2006
 23/04/2006 a 29/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 26/03/2006 a 01/04/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 19/02/2006 a 25/02/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 05/02/2006 a 11/02/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005



OUTROS SITES
 Cozinha Experimental
 Hipopótamo Zeno
 Sampa.Org
 O Escriba
 Lusofolia
 Caros Amigos
 Carta Capital
 Observatório da Imprensa
 Novae
 A Rede
 Rede Saci
 Amigos do Presidente Lula
 Picolé da Ki-Ruim
 ForumID
 NOOSFERA ANTIGO
 Saravá Club
 Cápsula da Cultura
 Musicoteca
 Violão Velho
 Vinil Velho
 Rock'n'roll
 Opus 666
 Música do Bem
 Mercado de Pulgas
 Loud
 Feijão tropeiro
 Brazilian Nuggets
 Acesso Raro
 8 Days In April
 Porque dinheiro não é tudo
 .:: Oxelfer Blog News ::.
 360 graus
 Gambrinus MP3




 

 

 TecnoBlog.net - Tops Blogs